Saia da inércia agora, criando uma lista provisória de tarefas de 10 minutos

Começar pela tarefa mais difícil, pela mais urgente ou pela que produzirá maior valor?

Não existe resposta única. O método GTD enfatiza que, como todas as tarefas previstas para o período terão que ser feitas, pode-se simplesmente começar pela primeira da lista. Outros métodos enfatizam a motivação, o valor, os hábitos pessoais, etc.

Fico com o ZTD, que destaca: o importante é fazer, e para isso é preciso começar. A priorização cabe muito melhor nas revisões diárias da lista de pendências do que no momento de começar cada nova atividade.

Mas mesmo quando temos uma política de escolha que funciona para nós, às vezes o dia empaca: estamos esperando algo de alta prioridade, perdemos o foco ou mesmo o impulso. E aí surge a pergunta: o que faço agora?

Para essas situações de impasse, uma possível solução é: pegue sua lista de tarefas, identifique 2 ou 3 tarefas que possam ser completamente resolvidas em 10 minutos cada, e escolha qualquer uma delas para começar.

A técnica tem 2 vantagens principais: olhar para o conjunto de pendências selecionando as curtas ajuda a voltar a atenção às tarefas, e executar uma tarefa curta coloca você em movimento na direção certa, eliminando os efeitos negativos da inércia causada pelo impasse, e gerando o impulso para continuar completando outras tarefas.

Leia também: Vença a procrastinação hoje com UMA dica – e bem curta.

Comentar

Comentários arquivados