Fotografia Digital: como tirar as melhores fotos de sua próxima festa infantil

Não é difícil criar um bom álbum de fotos da festa de aniversário de 4 anos do seu sobrinho, mas para isto é preciso ter boas fotos. Superar este desafio está ao seu alcance, basta uma câmera na mão e efetividade na cabeça!

Veja se esta cena lhe parece real: numa festa infantil, há uma grande quantidade de pessoas com câmeras digitais, todas com mais recursos do que elas conseguem aprender a usar, e cada uma delas tirando suas próprias fotos, usando flash em fotos à distância e desligando-o em fotos no escuro, ativando o zoom digital, ligando efeitos desnecessários (sépia, etc.) e eventualmente colocando a mão na frente da lente. Ao final da festa, cada um leva sua câmera com suas próprias fotos para casa, e ninguém vai ver o conjunto completo das fotos que foram tiradas.

Imaginou a cena? Isto acontece nas festas de aniversário de sua família? Pois saiba que não é difícil evitar esta cena. Uma das maneiras (e eu recomendo, se couber no orçamento da festa) é chamar um fotógrafo profissional. Mas mesmo quando isto não é uma opção, você pode aplicar um pouco de planejamento, preparação prévia e organização para resolver todos os problemas acima e ter um álbum muito mais completo.

Para ajudar, selecionamos 15 dicas que facilitarão a sua vida na hora de planejar e preparar as atividades fotográficas da sua próxima festa infantil, sem deixar de se divertir, e tendo a oportunidade de tirar fotos divertidas como a que ilustra esta matéria, tirada por Johnny Blood.

15 dicas de fotografia digital para festas infantis

As dicas abaixo consideram que você terá acesso a uma câmera digital de qualidade comum, e que não necessariamente sabe usar todos os seus recursos avançados, mas está disposto a praticar e aprender, com ajuda de um pouco de experimentação e dos manuais.

Não são dicas de técnicas fotográficas em si (isto você encontra em vários sites e artigos de revistas), mas sim de preparação e planejamento, bem como de operações relacionadas a festas infantis especificamente. Algo como planejamento operacional e logístico aplicados à fotografia de festas infantis ;-)

Conto com seus comentários e com suas próprias dicas para complementar! Vamos às dicas de hoje:

  1. Defina um responsável - quando todas as pessoas estão encarregadas de uma atribuição, na verdade ninguém é responsável. Defina quem será o responsável pelas fotos da festa, e libere esta pessoa de outras tarefas da festa que possam impedir sua efetividade como fotógrafo oficial. Para evitar desequilíbrios, encarregue esta pessoa de outras tarefas mais "pesadas" na preparação da festa ou na arrumação pós-festa, quando a demanda por fotos já não será tão grande.
  2. Garanta a câmera e seus acessórios - não esqueça a câmera em casa, nem deixe para carregar as pilhas e esvaziar os cartões de memória em cima da hora. Leve pilhas de boa qualidade, tenha pilhas carregadas de reserva, e tente pedir emprestados alguns cartões de memória extras para sua câmera, se você não os tiver. Na falta deles, tente ir descarregando a câmera em um computador ao longo da festa, para liberar espaço. Tudo o que você não quer é se ver sem pilhas, ou numa situação de ficar "economizando" fotos para não lotar o cartão.
  3. Aprenda a usar sua câmera - no mínimo, saiba usar o zoom óptico, o timer e as configurações automáticas de luminosidade. Pratique para verificar a distância de eficácia do flash em ambientes iluminados ou não, com as várias configurações de flash que a sua câmera tiver - e saiba quando desligá-lo. Aprenda como reduzir olhos vermelhos, como trocar as pilhas rapidamente, como descarregar as fotos no micro e como liberar espaço no cartão rapidamente. Se sua câmera tiver um modo de rajadas (burst, ou continuous shooting), aprenda a utilizá-lo, para tirar múltiplas fotos das crianças em movimento (e poder selecionar as melhores depois), e para tirar em momentos importantes, como a hora de apagar as velas, sem correr o risco de acabar tendo apenas uma foto, justamente do momento em que a mãe da aniversariante estava fazendo uma careta...
  4. Abaixe-se! Lembre-se da altura das estrelas da festa, e escolha uma perspectiva adequada. Claro que algumas fotos tiradas de cima para baixo (de pé, ou mesmo do alto de uma cadeira) são bem-vindas, mas lembre-se de equilibrar as perspectivas, buscando o melhor ângulo para fotografar a criançada.
  5. Identifique previamente bons cenários e panos de fundo - você terá várias razões para tirar fotos posadas, de grupos ou mesmo de pessoas sozinhas. Saiba para onde levá-las (e tenha várias opções distintas!), de forma a ter um fundo bonito e sem maiores desafios de iluminação ou mesmo enquadramento.
  6. Varie ângulos, ambientes e configurações - Não corra o risco de ao final da festa perceber que todas as fotos estão parecidas. Varie ângulos, posicionamentos, locais e configurações da câmera. Tire fotos de cobertura ampla, combinadas com fotos de zoom de detalhes, de perto, de longe, posadas, flagrantes... varie!
  7. Antecipe as fotos de grupo: Não deixe para tirar a foto da família toda posando para a câmera só depois de cantar parabéns: tire várias fotos destas, desde cedo, não só para ter variedade mas também para registrar as pessoas enquanto seus penteados, trajes e maquiagens ainda estão íntegros ;-)
  8. Reajuste sempre os controles de luminosidade da sua câmera - pratique antes, com o manual da câmera em mãos, se necessário. Muitas câmeras digitais atuais contam com diversas configurações pré-definidas, para fotos iluminadas pelo sol, por luz incandescente, por lâmpadas fluorescentes, e até por velas. Verifique antes a melhor configuração para cada ambiente e horário, e memorize-as, para facilitar os ajustes a cada vez que você se movimentar.
  9. Registre os detalhes e a preparação - fotos do bolo, da mesa de doces, da geladeira cheia de refrigerantes, das pessoas penchendo os balões e muitas outras são interessantes, ajudam a compor o álbum e acabam sendo parte importante no processo de traduzir em imagens o espírito da festa. Não perca esta oportunidade, faça um tour de fotos por todos os ambientes da festa fotografando seus detalhes antes de os convidados começarem a chegar. No final da festa, tire novas fotos dos mesmos locais, com o mesmo ângulo, para formar o efeito de "antes" e "depois".
  10. Conheça os planos da festa - e esteja preparado para cada um dos eventos pré-programados: a chegada dos convidados, algum show de palhaços ou outra apresentação, a abertura dos presentes, a hora do Parabéns a Você, a hora de soprar as velas. Pense antes para não errar depois: onde você vai se posicionar em cada momento? Que configuração de câmera irá usar?
  11. Participe da festa - e fotografe enquanto isto. O melhor da festa de aniversário infantil não são os eventos programados, e sim a interação entre os convidados. Participe das brincadeiras, interaja com as crianças, e registre de perto os momentos interessantes. Identifique também pontos estratégicos dos quais você possa tirar fotos dos convidados à distância, sem que eles percebam, para garantir a espontaneidade - mas lembre-se de usar o zoom!
  12. Fotografe os adultos também - as reações dos adultos às brincadeiras das crianças podem ser um bom tema para fotos, aproveite-as!
  13. Centralize as operações fotográficas - o número de pessoas com câmeras digitais na sua festa varia, mas a tendência é que as fotos que estas pessoas vão tirar acabarão não sendo compartilhadas com o restante dos convidados, e nem chegarão a fazer parte do álbum da festa. Que tal deixar o seu computador ligado durante a festa, e convidar cada um dos convidados a copiar para ele as suas fotos, quando estiver indo embora? Algumas pessoas poderão ter câmeras com necessidades especiais (dependência de cabos ou softwares específicos - um leitor de cartões pode ajudar), mas outras você conseguirá salvar, e terá a oportunidade de preservar o pacote completo das fotos tiradas na festa!
  14. Planeje os produtos com antecedência: você vai fazer um álbum em papel? Um website? Publicar as fotos gratuitamente no Picasa do Google e depois mandar o endereço por e-mail para os convidados? (neste caso, lembre-se de anotar os e-mails deles todos!) Se for imprimir as fotos, verifique antes se a sua impressora está à altura da tarefa (papel fotográfico para imprimir em casa às vezes pode não ser muito caro, mas a tinta geralmente é), e se não é mais barato e prático simplesmente deixar o cartão de memória da sua câmera em uma empresa de revelação.
  15. Grave um CD com todas as fotos - Um CD-ROM é barato o suficiente para fazer valer a pena a providência. Compre um CD de boa qualidade, com caixa individual de plástico rígido (a caixa tradicional dos CDs de música), para preservá-lo sem maior risco de arranhões e de exposição contínua à luz. Resista à economia boba de gravar em um CD-RW ou de deixar a sessão de gravação aberta para futuramente gravar mais dados no mesmo CD.

Parte das dicas acima podem ser encontradas, embora com outro ponto de vista, no artigo "How to Photograph a Child’s Birthday Party", do blog Digital Photography School.

As outras são fruto da minha própria experiência com desastres fotográficos, e com a aplicação dos conceitos da Administração aos problemas do dia-a-dia.

Mas talvez as mais importantes sejam aquelas que ficaram de fora. Conto com você para compartilhar suas próprias dicas nos comentários!

Leia também: 10 dicas para garantir as melhores fotos das festas de Natal e Ano Novo

Comentar

Comentários arquivados