2 monitores no seu PC: ganhe produtividade e reduza o stress

Encontre um uso para aquele monitor velho que sobrou após o upgrade, ou um bom motivo para comprar logo um LCD

Nos últimos 3 anos tem havido uma verdadeira corrida aos monitores LCD, e conforme os preços vão se reduzindo, mais pessoas conseguem fazer o upgrade do antigo e pesado monitor CRT para os seus modernos e esbeltos sucessores. Conheço várias pessoas que já estão no seu segundo ou até mesmo terceiro upgrade de monitor LCD - um amigo conta que comprou este mês um LCD de 19 polegadas widescreen pelo mesmo preço que pagou por um de 14 polegadas em 2005. E deve ser verdade, já que hoje já é possível encontrar no comércio regular monitores LCD de 19 polegadas por menos de R$ 1000.


Dois monitores ligados ao mesmo PC

Uma conseqüência é que está cada vez mais difícil vender bem o seu monitor CRT usado, que foi para o escanteio no momento da troca para o LCD. Você sempre pode optar por doá-lo e fazer a sua parte para a inclusão digital. Mas que tal manter a utilidade do seu monitor velho, sem abrir mão do novo? Basta conectar ambos os monitores ao mesmo PC, configurar o desktop "dual head" e pronto: você terá um ganho de produtividade inimaginável para quem nunca experimentou trabalhar com 2 telas ao mesmo tempo.

O ganho de produtividade

Quando você tem 2 monitores no mesmo computador, pode optar por trabalhar com 2 desktops independentes, ou com um grande desktop que se estende aos 2 monitores. Em qualquer um dos 2 modos, você pode abrir e mover suas janelas em qualquer um dos monitores, e o mouse se movimenta livremente entre os 2 contextos, fazendo o "salto" ao chegar na extremidade.

Fazer uso de um segundo monitor tem utilidades bastante claras, mas que às vezes não são óbvias à primeira vista. Se você é um usuário comum, e suas tarefas são orientadas ao e-mail, você pode deixá-lo aberto e maximizado em um dos monitores, enquanto opera seus demais aplicativos (também maximizados) no outro. Se você é desenvolvedor ou artista digital, pode deixar as janelas de edição em um dos monitores, enquanto observa a saída de seu projeto (ou a documentação relevante) no outro. No uso doméstico e de lazer, é possível deixar um vídeo passando em full screen, ou o seu comunicador instantâneo em um dos monitores, enquanto navega ou joga online no outro.

O maior vilão da perda de produtividade no uso de computadores é a perda de contexto. Se você tem que ficar alternando entre janelas maximizadas para trabalhar, seu cérebro precisa se adaptar ao contexto de cada uma delas a cada mudança, além de lidar com a operação necessária para a troca entre elas, e a seleção da nova janela adequada. Você já deve ter percebido isto ao ter de fazer múltiplas trocas de tela para conseguir copiar os dados de um e-mail para fazer um depósito em um banco on-line, por exemplo. E ao usar 2 monitores você imadiatamente dobra a sua possibilidade de manter contextos ativos simultaneamente.

Estudos de laboratório demonstraram que a adição de um segundo monitor ao desktop de um profissional aumenta sua produtividade entre 9 e 50%, dependendo do tipo de tarefa que ele desempenha. Os testes envolveram a habilidade de completar diversas tarefas comuns, alternar entre tarefas e lembrar de informações. Se você trabalha como desenvolvedor, veja este artigo específico sobre os ganhos de produtividade na sua área. Aproveite e veja também este artigo do Lifehacker que cita uma mais conservadora pesquisa do New York Times apontando ganhos de 20 a 30% na produtividade ao usar 2 monitores.

Eu uso 2 monitores há algum tempo (a foto acima é da mesa em que uso o notebook em casa), e posso afirmar que para mim o ganho não é apenas de produtividade: com 2 desktops visíveis, torna-se muito menos estressante trabalhar on-line, realizar atividades de pesquisa e manter contato com os colaboradores, sem ter de ficar guardando na memória as informações dos contextos e janelas que ficam escondidos.

A configuração

Configurar 2 monitores no mesmo computador pode ser bem mais simples do que você imagina: muitas placas de vídeo suportam 2 monitores simultâneos (1 pela porta VGA e outro pela porta DVI, ou mesmo com 2 portas VGA simultâneas), e nos casos em que este recurso não está disponível, em geral é possível instalar uma segunda placa de vídeo (aquelas PCI mais baratas - vi uma no comércio hoje por R$ 60,00) para permitir esta vantagem.

Se você usa com freqüência o notebook em sua escrivaninha, pode aproveitar a mesma dica. Em geral os notebooks contam com uma saída de vídeo VGA ou DVI adicional, para conectá-los a projetores, e estas saídas podem ser usadas perfeitamente para usar um monitor externo, tanto isoladamente quanto em paralelo com a tela LCD do próprio notebook.

A configuração de software é assunto para outro blog, mas dizem que no caso do Windows (desde o Windows 98) esta configuração é plug and play e trivial. Segundo uma matéria do IDGNow sobre o uso de 2 monitores, você deve ir "até a área de trabalho do monitor ativo do seu desktop com o sistema operacional Windows. Clique com o botão direito do mouse e escolha “Propriedades”. Uma janela vai se abrir. Clique na aba “Configurações”. Você verá dois ícones de monitores, identificados pelos números 1 e 2. Escolha qual será o principal e qual o secundário, apenas clicando sobre eles e mudando-os de posição. Depois disso, basta apenas clicar em ““Estender a área de trabalho do Windows a este monitor”, que aparecerá abaixo da “Resolução de tela”. Com isso, você pode usufruir todo espaço extra da tela. Por fim, você pode ajustar a resolução dos monitores independentemente."

Eu uso um segundo monitor junto ao meu notebook, um HP Pavilion rodando o Ubuntu Linux 6.10. Para ativar o desktop no segundo monitor foram necessários alguns passos um pouco mais cabalísticos, mas ao final funcionou bem. Não tenho condições de prestar suporte a usuários interessados em saber mais detalhes, mas eis uma cópia do meu arquivo xorg.conf com todas as alterações que foram necessárias para fazer funcionar um monitor externo Samsung Syncmaster 740N de 17 polegadas com o Linux no HP Pavilion DV4000.

Vale a dica padronizada para aquisições tecnológicas do Efetividade.net: pesquise bem antes de comprar qualquer coisa, e se você não é do tipo que aprecia um bom desafio tecnológico, convide um amigo geek para tomar um café na sua casa no dia em que for realizar a compra e a instalação.

Saiba mais

- Aprenda a configurar 2 monitores e ganhe produtividade (IDGNow)
- Tutorial: ganhe produtividade com 2 monitores (WNews)

Comentar

Comentários arquivados