Super lista de sugestões de presentes de Natal, parte 3: a "cesta básica" de Natal do escritório doméstico

Você já sabe que o Efetividade.net está publicando esta semana uma Super lista de sugestões de presentes de Natal, com a colaboração dos leitores. Veja os detalhes, as condições e os links para as outras partes da lista no anúncio original da Super Lista de Sugestões.

Dando continuidade à lista, hoje é o dia da prometida "cesta básica" do escritório doméstico ou pessoal. Se você ganha a vida a partir de casa, pode presentear até mesmo a si próprio com várias sugestões que trazem como retorno muito mais organização e eficiência. Aproveite e leia também nosso artigo anterior: 7 dicas para o escritório doméstico ideal - das cadeiras ao cartão de visitas!

Espero que esta lista inspire sua escolha de presentes, e que o karma positivo disso tudo faça com que este ano eu não ganhe nenhum sabonete Senador e nem conjuntos de pares de meias! Se você puder fazer sua parte para ajudar a espalhar esta lista, reduzindo as chances de presentes sem alma para todos nós, fico muito grato.

E lembre-se de que esta é uma lista colaborativa. Dê seu palpite e acrescente suas sugestões nos comentários!

A "cesta básica" do escritório doméstico

Arquivo para pastas suspensas, modelo kit aramado (até R$ 40)

Para ter um escritório pessoal em que as coisas não somem, no mínimo, você precisa de gavetas e de uma boa estrutura de arquivamento organizado de documentos e papéis em geral. Uma boa estrutura inicial é considerar uma pasta para cada um dos projetos em que você estiver envolvido, e mais algumas pastas extras para arquivamento das suas categorias de materiais de referência. Você vai identificar com facilidade as pastas extras que necessitar, como a de contas pagas, a de notas fiscais e termos de garantia de equipamentos, a dos seguros e documentos do carro, e assim por diante. Cada um tem seu modelo pessoal de arquivamento, mas o essencial é que ele seja adequadamente transposto para o conjunto de pastas.

Este modelo com estrutura em arame ajustável é econômico e bastante prático se ele for ficar sempre no mesmo local, e você não tiver excesso de poeira. Ele já vem com 6 pastas, e os respectivos visores e etiquetas.

 

 

Arquivo médio em plástico cristal para pastas suspensas (até R$ 80)

Uma opção para armazenar as suas pastas de forma econômica sem se preocupar com a poeira. Tire a tampa quando precisar das pastas pela primeira vez no dia, e só tampe de novo quando for sair - caso contrário, o serviço adicional de tirar a tampa a cada arquivamento ou consulta vai acabar levando você a inconscientemente deixar os papéis se acumular em cima da mesa. Aliás, pelo mesmo motivo deixe sempre o arquivo ao seu alcance, sem precisar levantar da cadeira!

arquivo para pastas suspensas - cor. transparente

gratis 5 pastas

 

 

 

Bandejas para entrada e saída de documentos (até R$ 40)

Adotar o padrão de manter os documentos pendentes de processamento todos em uma bandeja só (a de entrada), e os prontos que precisam ser encaminhados ou entregues a alguém todos em uma única outra bandeja (a de saída) dá tanto retorno em produtividade que este assunto ganhou um artigo específico aqui no Efetividade.net. E esta "Caixa para correspondência dupla em poliestireno na cor fumê", como a Kalunga a chama, tem tudo o que você precisa.

 

Organize os cabos com braçadeira em velcro (até R$ 20)

Se você não organizar os cabos no momento da instalação, cedo ou tarde terá que refazer tudo. E fitas com velcro são a forma ideal de agrupá-los, porque você pode reabrir sem estragar nada na hora de acrescentar ou remover um cabo. E uma caixa com meia dúzia de fitas sai por cerca de 5 reais...

 
  • Mais: Presilha adesiva para passagem de fios Command (até R$ 20) - Estas presilhas da 3M fixam os seus cabos em praticamente qualquer superfície, e não deixam marcas quando um dia você resolver tirá-las. Bem melhor do que aqueles pregos e ganchos para rodapé. A caixa com 4 sai por cerca de R$ 10,00.

25 unidades de caixas para arquivo morto em papelão (até R$ 40)

Existem muitos documentos, contas pagas de 2 anos atrás, folhetos, revistas e material de consulta em geral que você raramente precisa consultar, mas precisa sempre saber onde estão. E se você tiver um número suficiente de caixas de papelão para arquivo morto, pode categorizar todos estes papéis, guardá-los na caixa certa, identificá-la e esconder na prateleira mais alta da sala mais distante - e sempre saberá onde eles estão.

Vários blocos de 100 folhas de Post-it 38x50 amarelo (até R$ 20)

O Post-it foi uma invenção acidental, mas é realmente genial poder "grudar" anotações em documentos, no monitor, no telefone, na porta de saída (para não esquecer de levar para casa aquele lanche que você deixou na geladeira!) e depois retirá-los sem deixar marcas. O Post it é um item indispensável!

 

Clips número 2, lata com 500g (até R$ 20)

Você sempre vai precisar, e é tão barato e compacto que vale a pena ter em excesso.

 

Uma boa calculadora de mesa - solar, porque é mais ecológica. (até R$ 40)

Uma boa calculadora é um dos poucos itens que merece ficar sempre em cima da mesa, a não ser que você seja uma daquelas raras pessoas que faz contas de cabeça suficientemente bem para não precisar. Mas não a sua caríssima calculadora científica ou financeira - essa é melhor não deixar dando sopa, mesmo. Uma boa calculadora de mesa tem teclas largas, números grandes e visor inclinado. Na minha opinião, o ganho de produtividade por não interromper o raciocínio para sair procurando a calculadora na gaveta, ou não ter que perder o foco do programa que estou usando para abrir a calculadora no micro vale cada centavo.

Um cesto de lixo em cada posto de trabalho (até R$ 40)

Se você não tiver um cesto de lixo perto o suficiente, *vai* deixar acumular papel desnecessário na sua mesa, ou - muito pior - vai arquivar papel que deveria ser descartado. O melhor ainda é se você for disciplinado o suficiente para ter também uma caixa para papel que possa ser reutilizado, ou impresso do outro lado como rascunho.

Fichário formato 4x6 com tampa transparente (até R$ 40)

Eu tomo notas. Não vivo sem elas. Anoto o que me dizem por telefone, o nome do representante da empresa que me atendeu bem (para da próxima vez ligar diretamente para ele), sugestões para artigos aqui do Efetividade.net, e muito mais. Na minha gaveta mantenho grande quantidade de fichas 4x6 (15x11cm) sempre à disposição, e não as reaproveito - cada anotação vai em sua ficha, com o título em destaque no alto, e depois vai para o arquivo por assunto ou por data. Periodicamente faço uma revisão do arquivo para remover ou agrupar informações dele. O importante é não colocar neste tipo de arquivo anotações sobre pendências ou tarefas a fazer - você pode anotá-las na ficha sem problemas, mas o lugar imediato destas fichas é a bandeja de entrada, e não o arquivo.

 

 

 

 

Régua 30cm em alumínio (até R$ 20)

Réguas mantêm você sempre no caminho reto, e um pacote de 5 boas réguas de alumínio, em centímetros e polegadas, custa menos de R$ 15 - e elas não vão ficar serrilhadas como as réguas de plástico ficam.

Perfurador de papel para 2 furos em até 12 folhas de cada vez (até R$ 20)

Papéis que precisem ser consultados com freqüência ou que precisem ser mantidos sempre na mesma ordem não devem ser mantidos em pastas suspensas, mas sim em registradores A-Z. Mas para isto eles precisam ser perfurados. Um perfurador para 12 folhas com guia para centralizar adequadamente os furos nos formatos mais comuns de papel custa menos de R$ 10.

 

Grampeador de mesa universal (até R$ 20)

Um dos itens mais essenciais, e dispensa explicações. Escolha um modelo robusto, que possa grampear maços de mais de 3 folhas de cada vez ;-)

Risque rabisque formato 42x27cm (até R$ 20)

Já fui fã do risque-rabisque, mas hoje não recomendo. Agora penso que se uma anotação é importante o suficiente para ser feita, ela deve ser arquivada. Se ela não for importante, deve ser tirada de cima do seu campo visual e da sua atenção o mais rapidamente possível. E o risque-rabisque não se dá bem em nenhuma das duas situações. Mas há quem goste, e cada um é produtivo do seu jeito...

 
  • Mais: Prancheta em poliestireno fumê (até R$ 20) - Pranchetas não são absolutamente essenciais, mas ajudam a manter reunidos os papéis soltos que você está usando em um dado momento para tomar notas ou consultar.

 
  • Mais: Bloco cubo de lembretes sem pauta (até R$ 20) - Para aqueles lembretes que irão para o lixo assim que possível. Escolha papéis de gramatura mais alta, e eles resistirão melhor a viagens no seu bolso.

Tesoura profissional em aço inox Tramontina (até R$ 20)

Mais importante do que ter uma boa tesoura, é sempre saber onde ela está. Se cada pessoa tiver a sua, subitamente elas deixam de migrar sozinhas sem ninguém ver em que mesa ela foi parar...

Envelope saco, formato 162x229mm

Se você manda correspondências com freqüência (e torço para que você tenha demanda por mandar muitas faturas e notas fiscais todos os meses!), compre a granel envelopes de boa qualidade. Uma caixa com 100 envelopes tipo saco no formato 162x229mm é super barata, e neles dá de mandar folhas A4 dobradas apenas uma vez. É fácil lacrar, e é o maior dos formatos que cabem em qualquer caixa de correio padronizada.

flip-chart

Nenhum aparato tecnológico supera o flip-chart quando se trata de registrar reuniões criativas, ou preparar com pequena antecedência uma seqüência de tópicos a ser abordada em uma reunião. Vale o investimento, mas não esqueça do papel e dos pincéis sempre à mão!

 
  • Mais: Quadro branco - Quem não tem flip-chart, registra idéias no quadro branco. É bem visível, mas muito mais efêmero.

organizador de chaves

Pergunta: como sempre saber onde estão as chaves? Resposta: colocando um chaveiro com etiqueta em cada uma delas, e elegendo um lugar visível e seguro para que elas fiquem sempre penduradas.

Comentar

Comentários arquivados