Ganhar dinheiro com site e blog: 10 dicas para o Adsense (parte 1)

Para que outras pessoas da comunidade possam ganhar mais dinheiro fazendo o que já faziam antes de graça, reuni aqui minhas 10 dicas para aumentar os seus rendimentos com o Adsense. Algumas delas são de atitude, outras de otimização, e outras ainda estão mais na categoria genérica do marketing. Experimente e depois me diga se ajudou. Se o seu faturamento aumentar mais de 25% antes do fim segundo mês, você me deve uma caixa de Budweiser, ok?

Vamos às primeiras 5 delas. As outras 5, juntamente com informações complementares, estão publicadas em "10 dicas para ganhar dinheiro de verdade com seu site ou blog usando o Google Adsense (parte 2 de 2)". Leia também o artigo anterior, "Conheça o Adsense, a forma mais efetiva de ganhar dinheiro com seu site pessoal ou blog no Brasil".

1 - ASSUMA que você deseja faturar com anúncios: Esta dica vem em primeiro na lista porque se você não a seguir, não maximizará seu sucesso em nenhuma das outras. Na minha opinião, não há nada de errado em ser recompensado financeiramente por disponibilizar conteúdo ou serviços de sua autoria na web, e o Adsense é uma das formas menos intrusivas de fazer isso. Como diz Steve Pavlina (que fatura US$ 400,00 por dia com seu blog) no artigo "How to make money from your blog", se você acha que há algo de errado, sujo, anti-ético, anti-comunitário ou mau em exibir anúncios no seu site, então não exiba. Mas se você for exibir, faça bem feito, e não algo escondido no fundo da coluna lateral direita, com cores sem contraste e uma borda de 5 pixels. Anúncios bem escolhidos merecem um local em que sejam vistos por todos os possíveis interessados.


2 - Saiba lidar com a cegueira seletiva de anúncios: acontece com todos nós: lemos revistas, jornais e websites sem dar a menor atenção a muitos dos anúncios. Os anúncios eficientes são os que conseguem vencer esta cegueira seletiva natural dos leitores. Colocar anúncios à esquerda do texto, abaixo do logotipo, abaixo de um texto longo ou entre notícias, sempre com cores que se mesclem bem ao conjunto do site e sem molduras, são formas eficazes de aumentar sua chance na luta contra a cegueira seletiva dos leitores. Já vi um exemplo em que a simples mudança da cor de fundo de um anúncio fez diminuir 65% o seu número de clicks.

3 - Posicione bem os seus anúncios: a imagem acima foi disponibilizada na própria documentação do Adsense, para orientar o melhor posicionamento dos anúncios, em duas configurações de layout bastante comuns. O uso é simples: quanto mais escura a área, mais o anúncio rende. No layout da direita, os retângulos verdes maiores correspondem aos posts de um blog. Mas as áreas que mais rendem também são as mais nobres para incluir conteúdo auxiliar, portanto pese tudo com critério. Os anúncios nunca devem ocupar espaço de conteúdo original.

4 - O conteúdo continua sendo o rei, mas o SEO é seu primeiro-ministro: o maior interesse de quem publica anúncios é ter público que possa vê-los e clicar neles, e o que atrai e retém o público continua sendo o conteúdo. Invista em material ou serviços on-line de qualidade, tenha conteúdo atualizado e em sintonia com as demandas do seu público-alvo ou de sua comunidade. Na minha experiência e com as estatísticas a que tenho acesso, 43% do faturamento dos blogs vem de clicks de usuários que chegam ao interior do site diretamente a partir de sites de busca, sem nem mesmo passar pela sua página inicial antes. E para atrair estes usuários, você precisa não apenas ter o conteúdo que interessa a eles, mas também fazer com que os sites de busca saibam disso. Aprenda pelo menos as técnicas mais básicas de SEO ("Search Engine Optimization" ou otimização para sites de busca), e aplique-as no dia-a-dia. Isto não serve apenas para aumentar seu faturamento: os usuários que encontrarem com mais facilidade o seu conteúdo de qualidade ficarão gratos.

5 - Invista o tempo necessário para entender bem os termos de uso do Adsense: O Adsense envolve dinheiro de verdade - para você, para o Google e para os anunciantes. Assim, ele tem termos de serviço bem estritos, e também bastante claros. É bastante coisa, mas vale a pena ler, e se manter estritamente dentro dos trilhos: o Adsense não manda advertências. Quando ele percebe alguma irregularidade, cancela a sua conta imediatamente, anula todos os seus pagamentos pendentes e simplesmente envia uma notificação por e-mail, sem direito a apelação, revisão ou mesmo a perguntar qual foi a razão do cancelamento. Se você não aceita estes termos, não participe - e se aceitar, procure atender a todas as demais condições.




Saiba mais: As outras 5 dicas , juntamente com informações complementares, estão disponíveis no artigo "10 dicas para ganhar dinheiro de verdade com seu site ou blog usando o Google Adsense (parte 2 de 2)".

Comentar

Comentários arquivados